segunda-feira, 31 de março de 2014

Vilafrancada

O milagre: à volta  da extrema-esquerda ( Bloco, PCP, Livre, MAS, 3D, PCTP-MRPP etc) agregaram-se os moderados ( psd's-ML, sócraticos, conservadores etc),  que ainda ontem nos garantiam a sublevação, a revolução,  um segundo resgate e o evidente fim antecipado da legislatura. Pelo meio culpam os jornalistas pelo facto de as previsões não se terem verificado e brandem um argumento de autoridade moral.
Esta notável caldeirada  preditivo-acusatória  terminou num manifesto. Não se pode pedir mais.

2 comentários:

  1. Até já li que assiná-lo (ao manifesto) é um dever cívico. Está tudo doido!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. exacto, até me tinha esquecido e acrescentei.

      Eliminar